18 de maio de 2010

Um capítulo a menos?


O abajur à noite ilumina a minha desordem
Os meus dedos traçam um risco em meio a poeira dos meus cômodos
Incômodos
Acúmulo de dias perdidos

Os maços misturados a sementes de frutos cítricos provados
Mostram-me o desastre que tenho causado à minha construção

"Permaneça o amor fraternal", diz a Bíblia toda vez que a abro
Capítulo 13 de algum lugar, deste eu não saio nunca
Treze,
Talvez seja o número de capítulos deixados de escrever por dia em minha vida
Insisto em não mudar a página

As garrafas estão vazias
Os livros estão contra mim
A música envolve, fustiga
As letras estão aqui
Batendo-se contra as paredes do meu quarto
Tentando esquecer uma verdade cruel
O som se vai e ela insiste em ficar

Eu me obrigo a dormir
Luz apagada
Olhos fechados,
Volto-me para dentro
E o conforto da escuridão me adormece
Mais um dia
"Permaneça o amor fraternal"
De alguma maneira
Insisto em não mudar essa página

by Val Costa Pinho